RELIGIÃO É RE-LIGAR, REENCONTRAR O FIO DA MEADA – DR. EDUARDO MASCARENHAS

RELIGIÃO É RE-LIGAR, REENCONTRAR O FIO DA MEADA

Dr. Eduardo Mascarenhas

Também a religião pode ser vista por vários ângulos. Pode ser vista pelo ângulo místico, quando se propõe a explicar o mistério por meio da revelação feita por Deus ao homem, registrada nas Sagradas Escrituras. E estas devem ser lidas ao pé da letra. Mas outros caminhos podem ser explorados.
A palavra religião, do verbo latino “religare”, significa “re-ligar”.
Ou seja, encontrar o fio da meada, o pé das coisas; restabelecer os vínculos entre o céu e a terra, entre o fora do comum e o cotidiano, entre o mistério e o banal.
Se religião foi, para muitos, uma emboscada anti-sexual, isso nada tem a ver com o sentido mais profundo do termo. quem foi que disse que Deus tem de ser necessariamente moralista, de direita, fazendo promessas de uma vida futura para que a gente se esqueça da vida presente? Quem foi que disse que Ele é existencialmente um conservado e politicamente um reacionário:

PECAR É APENAS “ERRAR O ALVO”

a palavra pecado, por sua vez, vem do latim “pecare” que significa tão comente “errar o alvo”. Logo, o pecador seria alguém com tendência a dar tiros e esmo e não acertar nos seus objetivos mais profundos – aqueles que lhe trariam maior grau de felicidade e realização. Instigado por “tentações”, o pecador sairia de sua rota, se extraviaria de seus caminhos, se perdendo em prazeres laterais. Daí as expressões “perdido”, “perdição”.
Entenda-se por “tentações” força de atração daqueles prazeres laterais que obrigam o “pecador” a desviar-se de seu fluxo mais central de desejos. “Tentação” é um desejo fissurado, que só pensa na sua gratificação instantânea e não se conforma em ter de se harmonizar com o todo – o conjunto dos desejos vistos de uma maneira mais global.
Ora, o que é uma compulsão senão um desejo fissurado e um prazer lateral que perturba, com sua boca voraz, a satisfação mais ampla dos desejos e prazeres? É, nesse sentido, algo que faz a pessoa perder o rumo, extraviar-se, errar o alvo.
logo, “tentação” é a maneira de dizer, uma linguagem mística o que, numa linguagem mais psicológica, se chamaria de compulsão. E “pecado”, “perdição” são as suas consequências. Não é sem motivo que alguém disse que o pecado nada mais era do que um “abuso do bom”. A busca fissurada do prazer.
Qual seria o remédio para esses males?
A convocação da serenidade e da autoridade do “Senhor” – símbolo da superação do desgoverno. Só a serenidade pode fazer frente à compulsão.
Essa convocação pode ser feita de muitas maneiras. Uma delas é através da prece.
Esse é para mim o sentido da Oração da Serenidade, proferida pelos grupos anônimos. Por conta de seu convite à transcendência das animalidades e da convocação dos níveis mais altos da mente e do sublime, faz parte, segundo esse ponto de vista, do Décimo Primeiro Passo.
Antes de passar ao próximo passo, cumpre aqui um esclarecimento, à guisa de tornar o texto mais rigoroso e cheio de precisão.
A Oração da Serenidade pelo contrário do que muitos pensam, não é uma oração universal com a qual se iniciam todas as reuniões dos grupos anônimos de mútua ajuda. No Brasil ela se tornou uma tradição – é verdade, porém, que nos Estados Unidos, por exemplo, muitas reuniões se iniciam sem oração alguma e outras se iniciam com orações diversas, entre as quais o Padre Nosso.
Fizemos essa meditação sobre ao Oração da Serenidade, portanto, como uma homenagem aos grupos brasileiros.
A rigor, pelo conteúdo do seu texto, se tivéssemos que escolher uma oração para representar o Décimo Primeiro Passo, ela seria a Oração de São Francisco, cujos versos evocam mais o sentido desse passo de entrega ao transcendente.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s